segunda-feira, 9 de agosto de 2010

Vencer o Medo

Magalluf, 2010 © Adelina Silva

Parecemos estar hoje animados quase exclusivamente pelo medo. Receamos até aquilo que é bom, aquilo que é saudável, aquilo que é alegre. (…) Tudo aquilo a que fechamos os olhos, tudo aquilo de que fugimos, tudo aquilo que negamos, denegrimos ou desprezamos, acaba por contribuir para nos derrotar. O que nos parece sórdido, doloroso, mau, poderá tornar-se numa fonte de beleza, alegria e força, se o enfrentarmos com largueza de espírito. Todos os momentos são momentos de ouro para os que têm a capacidade de os ver como tais. A vida é agora, são todos os momentos, mesmo que o mundo esteja cheio de morte. A morte só triunfa ao serviço da vida.

Henry Miller, in "O Mundo do Sexo"

3 comentários:

Remus disse...

Uma coisa é certa. Não queria estar no lugar daquela mulher, mas não me importava de estar no lugar da Adelina. :-)

A expressão retratada da mulher está excelente. Faz lembrar aquele famoso vídeo do «ponha ponha ponha» ;-)

Paulo V. Pereira disse...

Infelizmente corroboro com toda a publicação e todo o medo apresentado de mim se apodera. Sinais dos novos tempos? Sinais da mudança? Sinais das aprendizagens não realizadas...

mfc disse...

Um texto perfeito para uma foto impressiva!